quarta-feira, 25 de maio de 2011

Semana do Agrupamento: Peddy-paper de Leitura da BE

Apanhados (a 13/ Maio)!

Alunos, professores e Encarregados de Educação… todos apanhados em flagrante delito e com “ a boca na botija”! Fogem? De quem? De quê? Porquê?
Correm, correm… e…?!
Professora Judite que acrobacia é essa?
E a D. São… a dançar o vira, no meio do expediente? E o pai da Carolina do 5º C? Viram, viram como ele gesticulou?
A turma do 7º B “baldou-se às aulas? Eles também lá estavam… mas esses não corriam, estavam sentados… a fazer “ coisa nenhuma…
Agora a sério…ninguém põe mão nisto?
Ah?! Diga?
Ahhhhhhhhhhhhhhhh!
Era um peddy –paper? Da leitura? Como?
Pois, não sei se percebi …. andavam todos “ à pesca” das pistas e a tentar interpretar as tarefas… Tá bem, tá! Andavam era todos “ao monte e fé em Deus” a ver se a balda pegava!
Não? Ah, foi mesmo a sério?
Parece que sim…já entendi!
“Os lunares” do 5º B andavam mesmo na lua e a professora Mara fazia a sua corridita matinal.
“Os cientistas malucos” estavam mesmo malucos com tantas perguntas e tarefas.
“Os campeões” não foram campeões mas lutaram que se “desunharam” ao som da professora Ana Rita que gritava:
- Meninos, mais devagar… o mundo não acaba hoje.
Mas podia acabar e antes que isso acontecesse… a professora Judite dançou e rodopiou com o “5º D do maior”.
“ Os papperzinhos” e a professora Márcia fizeram uma coreografia no campo de jogos que estava altamente…
“ O six D”foi o “ must” e obrigou a professora Susana a correr a maratona.
Já “ os nabos vencedores” de nabos não tiveram nada. Foram eles que ganharam este peddy-paper. Quer dizer se falarmos em pontuações eles foram os primeiros na tabela classificativa… eu cá, acho que venceram todos. O ambiente de camaradagem, convívio, boa disposição e sabedoria foi do melhor…
Eu estava lá! Eu vi! E também ouvi dizer que querem mais…
Pois sim, mas a brincadeira deu que fazer a quem nela pensou. Ouvi dizer que foi a “outra equipa”… a da biblioteca.

Parabéns a todos e muito obrigado pelo tempo dispensado.

A “mirone” da BE


terça-feira, 24 de maio de 2011

segunda-feira, 23 de maio de 2011

Semana do Agrupamento: workshop de cinema com Nuno Portugal e visionamento/discussão filme Embargo com Glória Ferreira(9 maio)

O Nuno Portugal trouxe às turmas de 9º ano da EB RSI alguns bons exemplos do cinema que se vai fazendo em Portugal, nomeadamente bem perto de nós, na produtora Persona Non Grata, sita nos arredores de Coimbra. Os alunos puderam ver uma das mais recentes curtas-metragens produzidas pelo próprio, bem como vários video clips de canções, algumas bem conhecidas do público juvenil. O Nuno aproveitou também para esclarecer algumas dúvidas dos alunos no que diz respeito à criação/ produção cinematográfica, incluindo questões técnicas. Numa altura em que estes estudantes estão prestes a fazer escolhas relativamente ao futuro, esta iniciativa pareceu revestir-se de uma importância acrescida que não passa só pelo aspecto lúdico.




Logo após a workshop, foi a vez dos professores assistirem ao filme «Embargo» de António Ferreira (que infelizmente não pôde comparecer na escola), pela produtora PNG. Ao visionamento do filme seguiu-se uma conversa muito interessante e reveladora com uma das co-autoras do guião, Glória Ferreira, em representação do seu realizador, acompanhada ainda pelo Nuno Portugal que explicou algumas questões técnicas relativas à produção do filme.

O cinema português no seu melhor a dominar a tarde! Venham mais destas!

Autores do mês de maio 1º ciclo: Miguel Sousa Tavares e Margarida Almeida


A autora Margarida Almeida veio no dia 18 de Maio e visitou:

. JI e EB1 da Pedrulha

. JI e EB1 do Ingote

. EB1 da Adémia

.JI e EB1 de Trouxemil

.JI e EB1 de Vil de Matos

.JI e EB1 de Vilela

Correu tudo muito bem e os miúdos adoraram!

Oficina de Poesia com Conceição Riachos, autora portuguesa do mês de maio



A autora Conceição Riachos desenvolveu na BE uma oficina de poesia, enquanto formadora do CES (Faculdade de letras da Univ. de Coimbra), juntamente com a Doutora Gisele Wolkoff, no dia 9 de Maio, para duas turmas de 7º ano.






No dia 17 de Maio esteve novamente presente na BE, à noite, com o mesmo objectivo, desta vez para os alunos do curso EFA nocturno.


Apresentou ainda a sua vida e obra na BE à comunidade, na actividade “Ao som das palavras”, no dia 10 de Maio, entre as 19h30 e as 22h.



Concurso Nacional de Leitura - fase distrital

O nosso agrupamento participou na fase distrital do Concurso Nacional de Leitura patrocinado pelo PNL, que decorreu na Biblioteca Municipal da Figueira da Foz, no dia 27 de Abril. As duas alunas do 9.º B (Ana Laura e Beatriz) não foram seleccionadas para a fase nacional, mas participaram com empenho. Para o ano há mais!

sábado, 14 de maio de 2011

Concurso de Leitura 9º ano

Autor do mês de maio para o 3º ciclo: Antoine de Saint-Exupéry

Oficina de Escrita e Novos Programas de Português com o Dr. Vilas-Boas

O Doutor Vilas-Boas veio à escola no dia 5 de Maio e dinamizou uma oficina de escrita para os 27 alunos do 7.ºA. A esta oficina assistiram professores de várias escolas do concelho que o Director do Agrupamento gentilmente convidou. Esta actividade foi avaliada pelos presentes com a classificação máxima de Muito Bom.
O orador ainda falou com os docentes sobre o CEL. Prometeu-nos voltar em finais de Junho para concluir esta temática. Ficamos a aguardar.
Os nossos parabéns ao trabalho deste excelente profissional e óptimo comunicador!





sábado, 7 de maio de 2011

SEMANA DO AGRUPAMENTO 9 a 13 de Maio «São Crianças, Senhor...»

Tanto para ver, tanto para fazer, tanto para viver... Senhor...!

«Não há evento como a Semana do Agrupamento!»


Ciclo de Cinema 9 a 13 de Maio

Cinema Café com Poesia apresenta... «Embargo» de António Ferreira

O visionamento do filme ocorrerá na próxima 2ª feira, dia 9 de Maio, pelas 16h30, na sala B6, a que se seguirá uma curta conversa com uma das guionistas do roteiro, Glória Ferreira. Esta actividade está integrada na Semana do Agrupamento.



Antes haverá também um workshop de cinema para os alunos do 9º ano, na sala A10, dinamizado por Nuno Portugal, um dos técnicos da produtora sita em Coimbra, PSG produções.

Horta Pedagógica 2010/2011 EB1 Adémia



Projecto Horta Pedagógica 2010/2011

Escola Básica nº 1 da Adémia

A Horta Pedagógica da Escola Básica N.º 1 da Adémia é um projecto interdisciplinar que alia a aprendizagem de todo o contexto de desenvolvimento de uma horta biológica e a reciclagem de materiais.

Iniciaram-se as actividades com a escolha da imagem que veio a simbolizar o projecto uma tarefa muito importante na criação e desenvolvimento do mesmo. Na horta escolar da Adémia como se trata de um projecto educativo esta tarefa teve um significado ainda mais especial. A imagem que representa a horta pedagógica da EB N.º 1 da Adémia é uma criação conjunta de toda a comunidade escolar. Através de vários diálogos com todos os intervenientes, chegou-se a uma imagem que simbolicamente contém alguns dos elementos essenciais do projecto.

· A forma redonda da imagem simboliza a Terra.

· A parte verde simboliza os campos e os espaços de plantação.

· A parte azul simboliza a água e o céu.

· Ao centro uma semente que cresce e se transforma numa bela planta.

Visto que um dos grandes objectivos deste trabalho é a sensibilização para a reciclagem e reutilização de materiais, continuou-se precisamente com esta componente. Foi decidido entre toda a comunidade educativa recolher garrafões de plástico, copos de iogurte e garrafas de plástico para serviram de base para as sementeiras e posteriormente para as plantações. Deu-se continuidade aos trabalhos com a construção de uma pequena estufa, também ela desenvolvida com madeira reaproveitada. De seguida passou-se à sementeira de uma grande variedade de produtos hortícolas, que após a germinação foram desbastadas. Neste momento encontramo-nos na fase de mudas e manutenção. Encontram-se em fase de germinação e desenvolvimento, sementeiras de alface repolhuda, feijão rasteiro e de trepa, rabanetes, girassol, ervilhas, abóboras, etc.

Juntamente com a componente hortícola temos em desenvolvimento um pequeno canteiro de flores que já se encontra iniciado com a plantação de uma grande variedade de plantas.

Para o acompanhamento de todos os trabalhos foram criadas fichas de registo para um relatório e balanço final do projecto.